7 de Novembro de 2017
Imprimir    E-mail

PF e Ministério Público investigam programa Brasil Sorridente, em Sumé

 

A Polícia Federal (PF), o Ministério Público Federal (MPF) e a Controladoria-Geral da União (CGU), em ação conjunta, deflagraram na manhã desta terça-feira (07/11) a operação Titânio com o objetivo de apurar irregularidades na contratação e execução de serviços de implantes dentários, do programa Brasil Sorridente, custeado com recursos do Sistema Único de Saúde (SUS).

Os valores envolvidos na execução do programa e objeto de investigação superam o montante de nove milhões de reais. Estão sendo cumpridos 8 mandados de busca e apreensão e 6 mandados de condução coercitiva na região do município de Sumé/PB, todos expedidos pela 11ª Vara Federal da Subseção Judiciária de Monteiro/PB.

Participam da operação policial 35 Policiais Federais e 6 Auditores da CGU e a investigação tramita sob segredo de justiça.

OBS: O inquérito ainda está sob segredo de justiça, por isso não será, neste ato, agendada entrevista coletiva. Esta poderá acontecer na Delegacia de Polícia Federal em Campina Grande ao longo do dia, caso o sigilo citado acima seja afastado. Neste caso novo comunicado será feito aos órgãos de imprensa.

                                                              

  Cabedelo/PB, 07 de novembro de 2017

 

Comunicação Social da SR/PF/PB



« Voltar